Orientação ao Paciente

Ao iniciar um tratamento de reprodução assistida, é muito importante que a (o) paciente tenha cuidados redobrados com sua saúde. Além de seguir as orientações médicas, é muito importante saber como lidar com os seguintes fatores:

Bebida Alcoólica

Não é recomendada a ingestão de bebidas alcoólicas durante o tratamento, visto que durante esta fase é necessário o uso de medicamentos que podem não alcançar o efeito desejado. É liberada apenas a ingestão de um cálice em alguma ocasião especial (festas ou comemorações), devendo ser evitado o uso abusivo, inclusive para o parceiro, já que o álcool em excesso prejudica a qualidade espermática.

Tabagismo

É sempre recomendável que o uso seja interrompido durante o tratamento. Os motivos são diversos, mas para as mulheres há a redução da taxa de fertilidade e, consequentemente, do sucesso do tratamento. Já para o parceiro, o uso do tabaco influencia negativamente na qualidade espermática. Além disso, o tabagismo é prejudicial também durante a gestação, tanto para a gestante, quanto para o feto.

Relação Sexual

As relações sexuais são liberadas antes da transferência de embriões. É contraindicado apenas em situações especiais, como no Hiperestímulo Ovariano. Após a transferência de embriões, devem ser evitadas para prevenir possíveis contrações uterinas, típicas durante a relação.

Medicamentos Diversos

Todos os medicamentos utilizados paralelamente ao tratamento devem ser comunicados previamente à equipe médica, para que seja autorizado o uso ou indicada a suspensão.

Cosméticos

A coloração dos cabelos é permitida apenas durante a fase de estimulação. Após este período, o procedimento é contraindicado, pois os produtos químicos entram em contato com o couro cabeludo e são absorvidos pela corrente sanguínea, podendo intoxicar os embriões.

Essa orientação se estende até o primeiro trimestre da gestação. Após este período, está liberada a coloração dos cabelos com produtos naturais, como henna, xampu tonalizante ou qualquer outro tipo, desde que não contenha amônia. Quanto aos outros cosméticos e hidratantes, é necessário comunicar previamente à equipe médica.

Edema x Drenagem Linfática

O edema não necessariamente surge de uma só vez, pois há variações de mulher para mulher. Entretanto, se aparecer, o melhor tratamento estético é a drenagem linfática, que consiste em uma massagem que ajuda a reduzir a retenção de líquido do corpo e o inchaço típico dessa fase, que pode aumentar devido ao uso dos medicamentos hormonais.

A drenagem linfática é liberada durante o período de estimulação apenas nas regiões dos braços, pernas e costas, sendo proibida sua realização no abdome, devido à proximidade dos ovários nesta região.

Atividade Física

Mulheres são adeptas à hidroginástica, natação, alongamento ou caminhada ficam mais preparadas, melhoram sua condição cardiorrespiratória, sofrem menos com inchaços e recuperam a forma física rapidamente. No entanto, após o início da estimulação ovariana, é recomendado exercitar-se com cautela. Devido ao aumento dos ovários, a atividade física de forma intensa pode causar um desconforto e até mesmo resultar em complicações mais sérias.

Raios Solares

Devido aos hormônios utilizados durante o tratamento, há uma tendência maior do aparecimento de manchas na pele, que estimulam a pigmentação. Por isso, deve-se evitar, sempre que possível, a exposição ao sol e utilizar diariamente o filtro solar.