Qual é o momento para procurar uma clínica de fertilidade?

RECEBA NOSSOS PRÓXIMOS
CONTEÚDOS EXCLUSIVOS:

    Compartilhe este post

    Share on facebook
    Share on twitter
    Share on linkedin
    Share on whatsapp

    Planejar o futuro é um hábito que faz parte da realidade da maioria das pessoas. Entre planos de carreira, viagens e casa própria, pode existir também o desejo de aumentar a família. A partir do momento em que o casal toma a decisão de ter um filho, logo começam as tentativas e, com elas, a possibilidade de frustração.

    O primeiro pensamento que surge quando o casal não consegue engravidar é a possibilidade de infertilidade, e é preciso ter em mente que essa condição pode existir e ter origem em diversos fatores. A infertilidade é mais comum do que se imagina e afeta tanto homens quanto mulheres.

    Portanto, o casal não precisa desistir em caso de dificuldade para engravidar, basta recorrer a um um especialista em reprodução assistida para que o quadro seja avaliado. A medicina reprodutiva fornece alternativas eficazes e seguras, de maior ou menor complexidade e com distintas taxas de sucesso.

    Para saber mais sobre o tema, continue lendo este artigo!

    Em primeiro lugar, é importante entender que uma clínica de fertilidade vai sempre oferecer apoio em toda a jornada

    A intenção de ter um bebê nem sempre se concretiza como os futuros pais tanto sonham, o que pode abalar o estado emocional do casal. 

    Nesse cenário, a busca por uma clínica de fertilidade é sinônimo de esperança, e faz toda diferença estar em um ambiente acolhedor com uma equipe qualificada para atender às necessidades dos pacientes. Ademais, o acompanhamento psicológico também pode ser recomendado.

    A assistência médica é de grande importância durante todo o tratamento de reprodução assistida, uma vez que as particularidades de cada caso devem ser consideradas para que o atendimento seja personalizado e o tratamento proposto tenha maiores chances de sucesso. 

    Isso significa que o diagnóstico inicial vai guiar os próximos passos do processo e as melhores escolhas de acordo com as condições apresentadas pelos pacientes.

    Além disso, o especialista não deve visar apenas o resultado do procedimento que ele indicou, mas cada etapa de sua evolução. Ou seja, a clínica oferece apoio desde o primeiro contato, buscando averiguar os fatores apresentados e realizando os cuidados que vão desde o preparo inicial até a conclusão da técnica.

    Diante da possibilidade de um tratamento para infertilidade resta saber quando se deve procurar uma clínica de fertilidade, para isso, vamos abordar alguns pontos cruciais dessa jornada.

    Continue a leitura!

    É muito importante considerar o tempo de tentativas

    Afinal, existe o momento adequado para recorrer a uma clínica de fertilidade? Podemos considerar que sim, dada a importância e necessidade de tentativas inerentes para a concepção natural.

    Para casais em que a mulher tem até 35 anos de idade, a busca pela medicina reprodutiva deve ocorrer após 12 meses de tentativas por meio de relações sexuais sem uso de nenhum método contraceptivo.

     Já para as mulheres com idade superior a 35 anos a procura por ajuda deve acontecer já após 6 meses de tentativas sem sucesso devido a queda da fertilidade feminina que se torna mais acentuada a partir dessa idade..

    O histórico clínico do casal é também de suma importância

    Como já mencionamos, as causas da infertilidade podem ser diversas, e o tratamento ideal será recomendado a partir da sua identificação.

    A infertilidade feminina, por exemplo, tem como possíveis causas a endometriose, alterações nas trompas uterinas, síndrome do Ovário Policístico, miomas, infecções, entre outras.

    Já a infertilidade masculina pode ter relação com alterações na qualidade do sêmen,  associadas ou não a alterações hormonais, infecções, varicocele dentre outros fatores, inclusive os não identificados.

    Mas não é só isso! 

    A reprodução assistida também oferece a possibilidade de detectção de doenças genéticas familiares ou relacionadas a abortos de repetição por meio do diagnóstico genético pré-implatacional. Sendo assim, não só os casais inférteis, mas também aqueles que possuem histórico de doença hereditária na família ou abortos de repetição têm os métodos de reprodução assistida à sua disposição.

    O que apenas uma clínica de fertilidade pode fazer por você!

    Se você se identifica com as questões acima citadas, saiba que a medicina reprodutiva está preparada para te ajudar! 

    Os tratamentos de reprodução humana assistida têm sido cada vez mais procurados, contribuindo para a realização do sonho de muitos casais que almejam gerar novas vidas.

    Buscar por uma clínica de fertilidade é um passo que pode mudar a realidade dos futuros pais e futuras mães, especialmente porque os distintos métodos reprodutivos, apesar de não serem garantia de gravidez, apresentam resultados positivos em grande parte dos casos.

    Os tratamentos mais conhecidos são:

    • Coito programado, em que há estimulação da ovulação e o casal é instruído a ter relações sexuais nos dias em que há maiores chances de gravidez;
    • Inseminação Artificial, procedimento de introdução de espermatozoides no útero materno;
    • Fertilização in Vitro (FIV), técnica de fecundação em laboratório, com posterior transferência do embrião para o útero.

    A escolha da técnica mais adequada será orientada pela análise da causa que leva à infertilidade e, em seguida, o casal já pode iniciar o tratamento propriamente dito.

    Recordamos que o acompanhamento médico numa clínica de fertilidade confiável é indispensável em todas as etapas, o que assegura a execução apropriada do procedimento e as melhores chances de sucesso possíveis para o tratamento indicado.

    Gostou deste conteúdo? Aproveite para receber também 4 dicas sobre a fertilização in vitro.

    Para ler

    Em seguida